Estatística

Para consultar elementos de estatística faça clique no mapa.

Países dos leitores

Free counters!

sábado, 26 de novembro de 2016

-"Empréstimos do Português ao idioma URDU


URDU é a língua oficial do Paquistão, de parte do Afeganistão e uma das 24 línguas nacionais da União Indiana. É uma língua indo-europeia que se formou com influência das línguas persa, turca e árabe. Escreve-se num alfabeto árabe modificado. Em tempo, foi considerada "a língua de cultura".




.
Depois da chegada de Vasco da Gama a Calecute e os portugueses se terem fixado em várias áreas da Península Industânica, a sua influência começou a fazer-se sentir, de diversas formas, inclusive nas línguas, essencialmente no Urdu, no Gujarate, no Concanin e em dialetos falados nos arredores de Bombaim e no sul da Índia.
A primeira relação de palavras de origem portuguesa existentes no Urdu foi divulgada por Moulvi Abdul Haq, num artigo que publicou em 1949.
Um estudo mais apurado foi levadoa a cabo por Muhammad Umer, o que foi tema dum livro que publicou em 1955.
As palavras emprestadas pelo português e os esclarecimentos correspondentes, foram retirados de ambas as fontes acima referidas.


Se comer uma ALFONSO, uma variedade de manga, lembre-se que a palavra é uma variante do português. Em algumas partes do sul da Índia também lhe chamam hapus ou aapus.
ANANÁS, é mais uma palavra emprestada pelo português, quando trouxeram para a Índia este fruto originário das Américas Central e do Sul.
SANTRA ou SANGTRA, é o nome da laranja em Urdu, fruto que foi introduzido pelos portugueses, e é uma corruptela do nome de Sintra, uma localidade cerca de Lisboa, famosa pela cultura desse fruto.
PAPEETA, em Urdu, é o nome da papaia, fruto que os portugueses truxeram das Caraíbas.
ALMAARI, deriva da palavra portuguesa armário.
CHAABI, vem da palavra chave. Em algumas línguas do Ocidente da Índia, como o Gujarate, usa-se o termo CHAVI, como se vê muito semelhante ao termo original.

ANGREZ, é a palavra que designa um homem inglês e que tem uma interessante derivação: ANGREZAN ou ANGREZNI, uma mulher inglesa. Tem outra derivação mais interessante ainda: ANGREZIYET, ou seja, inglesisses.
AYA, tem o mesmo significado da palavra portuguesa aia.
ALPIN ou AAPIN, deriva do português alfinete.
ISTARI, ferro de engomar, vem da palavra estirar.
BAALTI, tem origem na palavra portuguesa balde e em algumas zonas também bacio.
PAADRI, vem da palavra portugues padre.
GIRJA, deriva da palavra igreja.
PAGAAR, significa salário, em Urdu, e começou por ser usado na costa Oeste e Sudoeste da Índia, especialmente em Gujarate e Bombaim. Mais tarde começou a ser usado com variações regionais. Como é óbvio, deriva da palavra pagar.
PIRACH ou PIRICH, deriva da palavra pires.
PIPA, é o mesmo que em português.
SAYA, é a peça de roupa saia.
NEELAAM, leilão.
TOLIYA, toalha em português.
Existem muito mais palavras de origem portuguesa no idioma Urdu, mas estas já nos dão uma ideia da influência que a língua portuguesa teve.